O mistério da Cobrança da Iluminação Publica

Almas está tendo um grande mistério a ser desvendado tanto pelos atuais vereadores quanto pelos cidadãos de Almas.

O prefeito à época Osmar Cintra entrou com o Projeto de Lei instituindo a cobrança o mesmo foi aprovado e sancionado por ele ganhando a numeração de 020/2002 datado de 31 de dezembro de 2002,

O cidadão almense Edson Gomes entrou com uma ação popular que suspendeu a cobrança.

Esse ano de 2015 mistériosamente voltou a cobrança de iluminação publica e mais um mistério apareceu, dessa vez o mistério é uma Lei de numero 028/2005 que foi sancionado pelo prefeito à época Manoel Midas Pereira da Silva, o mistério está justamente ai, vereadores da época afirmam que não votaram nenhum projeto revogando a cobrança de autoria do executivo Manoel Midas e agora? A Lei está sancionada, isso quer dizer que a Lei 020 perdeu sua validade, por tanto a cotribuição não poderia está sendo cobrado.

Comentários