Semana Santa

O Domingo de ramos iniciou as comemorações da Semana Santa, com uma grande procissão saindo da casa de José Filho vulgo Zé Mecânico percorrendo toda a Avenida São Sebastião até o centro comunitário da Igreja Matriz São Miguel, onde lá foi celebrada a missa de ramos, uma cerimonia linda, onde os ramos foram abençoados, após a missa no mesmo dia houve outra procissão dessa vez levando uma imagem para a casa de Paulo Cortez e outra para a casa de Dona Melusina, as imagens iriam permanecer lá até quarta feira onde teria a procissão do encontro.

Na Quarta Feira Santa houve a procissão do encontro das duas imagens uma saindo da casa de Paulo Cortez e a outra da casa de Melusina e se encontraram na Igreja Matriz de São Miguel e logo após houve a missa no Salão Paroquial.

Na Quinta Feira houve a missa do lava pés onde na oportunidade durante a missa algumas pessoas teve seus pés lavados lembrando o que Jesus tinha feito com os discípulos.

Na Sexta Feira houve a procissão de encontro entre Nossa Senhora das dores e Jesus Morto e percorreu a Avenida São Sebastião, Rua Bernardo Homem, Travessa Marceneiro Delfino, Rua do Mercado e retornando a Avenida São Sebastião passando pela praça São Miguel fazendo o contorno entre a São Sebastião e Oriental e voltando para a Igreja onde foi celebrada a missa.

No Sábado houve a vigília Pascoal onde na oportunidade fizeram uma fogueira e acenderam e foi abençoado o fogo, essa cerimonia é conhecida como Fogo Novo, após a benção o padre Luiz Claudio ordenou que as pessoas acendessem suas velas e todos foram para o Centro Comunitário onde lá foi feita a Missa do Fogo Novo e da Aguá onde na oportunidade foi abençoada a água e aspergida nas pessoas presentes.

No Domingo foi celebrada a missa de pascoa.

Comentários