Moradores de Guaraí realizam manifestação exigindo solução para via de acesso a TO-431







Moradores do Setor Pestana de Guaraí-TO, mais especificamente da Av. Alagoas, realizaram uma manifestação na manha desta quarta-feira (10), véspera do aniversário da cidade, reivindicando a pavimentação asfáltica ou o calçamento com bloquetes de um trecho da via que possui aproximadamente 1.300 metros.

O trecho, que serve de alternativa para motoristas que buscam o acesso da TO-431, recebe um grande fluxo de veículos e os moradores que vivem no local reclamam que a mais de 20 anos convivem com poeira, lama, doenças respiratórias e diversos prejuízos pela falta de um uma via asfaltada ou com bloquetes.

Segundo a Presidente da Associação de Moradores do Setor Pestana, Maria Hermenegilda Alves da Silva, “a situação é insustentável e não vimos alternativa, se não fechar a via e exigir o que é nosso direito, ou seja, que as autoridades públicas possam resolver de vez este problema absurdo que ocorre a quase 20 anos”.

O Prefeito de Guaraí, Genésio Ferneda (PSD), esteve no local acompanhado do Presidente da Câmara de Vereadores, Claudio Alencar (PSB) e de seus auxiliares diretos e disse que “conhece bem o problema” e considerou o mesmo “gravíssimo”. O gestor afirmou que estará se reunindo ainda nesta quarta-feira com responsáveis pela obra de acesso a TO-431, para saber o que pode ser feito no local, estudando ainda a possibilidade de desviar o transito para outra via em melhores condições. Genésio disse ainda que uma solução definitiva poderá ser implementada até final do ano, mas antes disso afirmou que vai liberar recursos para a construção de quebra-molas e redutores de velocidade, para que a situação possa ser amenizada, pelo menos até o início das obras.

Os moradores se comprometeram a liberar a via, caso os quebra-molas e redutores fossem instalados ainda hoje e avisaram que irão fiscalizar o trecho, pois segundo denúncias feitas no local, outros quebra-molas já haviam sido instalados, mas alguns empresários teriam removido os mesmos com o uso de tratores. 

Comentários